22 de março de 2008

O Coração na Boca

Acabo de rever "Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças".
E o diálogo final fala mais que eu poderia dizer sobre meus próprios arrepios:

Joel - Eu não entendo o que aconteceu. Eu não vejo nada em você que eu não goste.

Clementine - Mas você vai ver.

Joel - Eu não me importo

Os dois correm brincando na neve. Vão se apagando no fundo branco. Música: "Everybody´s gonna learn sometime" do Beck.

Fim

9 comentários:

Rafael Koehler disse...

simplesmente LINDO!




e perfeito!

Wedgey disse...

não sei o que é mais lindo, a imagem ou o texto. como ando meio de mal com o sentimento "amor", fico com o texto.

(voltei a blogar!)

André disse...

Esse filme é tão lindo!

Eu vi ele e chorei bastante
;x

uhaUHA
;*

gregory haertel disse...

saudades de ti. adoro coisas que eu não gosto nos outros. perfeição, to fora.

zamy disse...

...gente, não consigo gostar desse filme, sou chata e só gosto de filme tipo açougue, tipo "300", rs

Daniel Olivetto disse...

ah Samara... me economiza!!!

diogo disse...

haeuha! gostei da samara, embora eu goste bastante do filme e do seu diretor.

zumbi hiperativo disse...

ai, sim...
ando tão romântica e goiaba.
esses finais perfeitos acabam comigo.

Heitor disse...

bom, isso aqui... :))