30 de dezembro de 2011

Os 10 Melhores Álbuns de 2011, pelo dono do blog!


Agora é a minha vez! Faz uns três anos que não publico lista de 10 Melhores Filmes do Ano por aqui (a última foi em 2008, nesse link) porque a música acabou nos últimos anos ocupando um lugar bem grande que antes pertencia ao cinema aqui em casa. Então vamos lá falar dos destaques musicais de 2011 segundo o dono da casa... Importante lembrar que, embora eu mereça um coluna na Rolling (rá!), comentários técnicos aprofundados sobre música você não vai encontrar aqui, ok? De todo jeito tenho me divertido por aqui compartilhando álbuns, canções, e novidades que os outros compartilham comigo... Diferentemente da lista do ano passado (nesse link) tentarei fazer um ranking, mesmo sabendo que arrependerei depois, rsrs... Então, vamos aos 10 de 2011 (ou seriam os 20?).


10 - Florence + the Machine - "Cerimonials"


Em seu segundo álbum de stúdio a banda inglesa liderada pela cantora Florence Welch consagra-se como uma das mais inteligentes e respeitadas do indie pop atual. Comparada à Kate Bush e Siouxie, Florence já é um dos mais belos vocais da atualidade, e mostra ainda que no quesito "divas" a música britânica continua muito bem servida. Das 20 belíssimas faixas que compõem o álbum vai aí a belíssima "Breaking Down" em preformance ao vivo.





9 - Nina Kinert - "Red Leader Dream"


Ninão virou diva em 2011, pelo menos aqui em casa. Esse álbum mesmo foi lançado em novembro de 2010, mas só "estourou" esse ano aqui, tipo ali na cozinha, porque eu moro com o Felipe Nyland, maior conhecedor de música indie do Brasil. A guria é sueca, é ruiva, é linda, canta e toca piano, tem 28 anos e esse é o seu quarto álbum.... oi?? É sério! Com arranjos refinados, vocais sofisticados e letras lindas, Ninão não é muito conhecida ainda, mas olha: ouve ela aí, que a moça vai dar trabalho! Pra quem não conhece ainda, dá também uma procurada pelo álbum anterior, "Pets and Friends"... Coisa linda, viu?!





8 - Noah & the Whale - "Last Night on Earth"

 
Desde 2006 os britânicos do Noah & the Whale tem criado uma boa repercussão na cena indie e chegaram em 2011 ao seu terceiro álbum, garantindo seu lugar entre as bandas mais descoladas do pedaço. Ainda desconhecidos por aqui, os rapazes londrinos brincam sem medo com o folk, e ainda tem colocado na roda excelentes videoclipes. Difícil não dançar na cadeira com "Waiting For My Chance To Come" ou com "Give It All Back", no excelente videoclip abaixo.



7 - Chico Buarque - "Chico"


Ouvindo de primeira, o album novo do marido da Mariana e da Aretha, digo, do Chico, parece aquele esquema "mais do mesmo"... "o que não é menos ilustre em se tratando de Chico", pensei eu ouvindo assim nas corridas. Mas, se você colar o ouvido com cuidado, vai relembrar que Chico é Chico, e nesse álbum novo, com canções a partir de algumas de suas crônicas e poemas, ele nos entrega uma das obras mais delicadas e inspiradas do ano. Impossível não se apaixonar por "Tipo um Baião", "Essa Pequena" ou "Se eu soubesse", em dueto com Thaís Gulin, que vai no link abaixo...





6 - Elbow - "Build a Rocket Boys!"

O quinto album dos brtânicos mais queridos do rock alternativo chegou logo no começo do ano e arrebatou o coração do dono desse blog. E tem mais: se eu for cantor na próxima encarnação, eu queria vir com uma voz igualzinha a do Guy Garvey. Céus! Ouso dizer que o principal mérito da banda é o vocal do moço, o que não torna nada do todo menos impecável. Destaque para "Lippy Kids", "Open Arms" e "Dear Friends", três das canções que fazem a gente pisar nas nuvens nesse novo álbum.





5 - Wilco - "The Whole Love"

Wilquinho do meu coração lançou seu álbum novo em versão on line por alguns dias em formato "vinil virtual" pra gente poder ouvir antes de comprar (ou piratear, cof cof). Não dá pra dizer muita coisa, não! Desculpa aí, patrão da Rolling, mas esse é daqueles que você ouve do começo ao fim, pedindo pra eles nunca mais deixarem de existir. Destaques? Tá bom: "I might" virou meu ringtone. E a faixa do link abaixo, "Sometimes It Happens", é fueda! Tecnicamente falando: caras, eu amo vocês!




.
4 - Marcelo Camelo - "Toque Dela"

Coisa mais linda da carreira solo do (ex?)vocalista do Los Hermanos, Marcelo Camelo, é perceber o que era mais "dele mesmo" dentro da banda, uma discussão bem clichê sobre bandas e posteriores carreiras solos, etc, mas ok! Se por um lado se mantém os metais  e a mistura de  ritmos brasileiros com o rock, característicos dos hermanitos, o charme nas composições deste segundo album solo de Camelo, está no fato de assumir o tom romântico das letras por meio de seus sussuros deliciosos e do dedilhado suave nas cordas. Leva também o prêmio de álbum mais "O Amor é Lindo" do ano!





3 - Beirut - "The Rip Tide"

Ainda na categoria "bandinhas do coração que lançaram album novo esse ano" (vide Wilco) tem o terceiro álbum dos meninos do Beirut: coisa linda de Deus, viu?! Aprofundando a pesquisa sobre as sonoridades do leste europeu, a mini-orquestra-indie-folk com a condução e o vocal sublime de Zach Condon faz bonito de novo. Difícil destacar alguma faixa, pois o álbum na íntegra é impecável. Senta no tapete, abre um vinho branco e vai que vai! Aqui vai o clip de "Santa Fé", faixa que leva o nome da cidade natal do vocalista, no Novo México (desculpa, eu leio o google!).






2 - Marcelo Jeneci - "Feito pra Acabar"

Lançado no final de 2010, o lindo álbum de Marcelo Jeneci emplacou  bonito em 2011. Merecido! Depois diversas colaborações com  artistas  como Arnaldo Antunes, Chico César e José Miguel Wisnik, o paulista de 29  anos comemora com seu primeiro álbum, mais de 10 anos de estrada como  músico profissional. O resultado é um album autoral, refinado, e com o  vocal aveludado do moço na companhia constante (e ótima!) de Laura Lavieri, e é claro: o acordeon, peça fundamental de seus arranjos. Fica aí a minha preferidinha do álbum...





1. The Decemberists - "The King is Dead"

O álbum novo dos meninos mais inspirados do indie-folk-norte-americano foi lançado em janeiro e não deu outra no meu fone de ouvido ao longo do ano. Das mais animadas como "All Arise" e "Rox in the Box" até as melódicas como "Dear Avery" e "Rise to Me" (abaixo no link em versão ao vivo), a banda colocou na roda o melhor álbum do ano, para o humilde dono desse blog. Violinos, acordeon, guitarras, baixo, teclados, e vocais impecáveis em uma mistura inspiradíssima nesse sexto album da banda, que traz um rock enraizado em uma das poucas tradições bonitas da terra do Tio Sam (desculpa, sou preconceituoso!). Álbum do ano! Lindo, lindo!






MENÇÕES HONROSAS:

- I´m From Barcelona - "Forever Today" [Link para a faixa "Charlie Parker"]
- Gal Costa - "Recanto" [Link para a faixa "Autotune Autoerótico"]
- R.E.M - "Collapse Into Now" [Link para o videoclipe da canção "ÜBerlim"]
- Adele - "21" [Link para a faixa "Set Fire to the Rain"]
- Radiohead - "The King of Limbs" [Link para o álbum completo]
- Thaís Gulin - "ôôÔÔôôÔôÔ" [Link para a faixa: "Ali Sim Alice"]
- The Baltucz Band - "Café com Guitarra"[Link para a faixa "Junho"] 
- Fleet Foxes – "Helplessness Blues" [Link para a faixa "Helplessness Blues"]
- The Drums - "Portamento" [Link para a faixa "Money"]
- Mapuche - "Sancity" [Link para a faixa "Lullaby"]

6 comentários:

fabio dudas disse...

Caríssimo "Chico"! Obrigado pela menção honrosa, e aqui está o link para a discografia da minha banda e do álbum em questão:

discografia: http://fritzlounge.blogspot.com/

café com guitarra:
http://www.mediafire.com/?zxsiipe1xtngdrt

Obrigado de novo e espero que aproveitem as dicas. Eu já estou baixando alguns dos discos que colocou aí!

Daniel Olivetto disse...

Dudas, queridão!

Sou fã da banda já! Lindo lindo esse trabalho!

:0)

Daniel Olivetto disse...

Vergonha!!!

Esqueci do Tom na lista!!!

http://www.youtube.com/watch?list=PL8116B2A8AE77CA89&feature=player_embedded&v=vg2SBPaxoe8#at=131

fica pra 2012, tá??

Beijos

Ocagado disse...

Ai concordo com tanta coisa. Por isso nosso casamento dá certo. Só preciso me acostumar com a voz do chico mesmo que pra mim ainda é meio torturante, apesar de reconhecer sempre ele como um dos músicos brasileiros mais fodas de todos. É só como couve-flor pra mim. Tento tento e não desce...
:P
E olha que cresci ouvindo por causa dos meus pais, mas tenho um trauma de calice que tu não tem idéia...
:P
=*

Daniel Olivetto disse...

hahahaha... deixa a Aretha e a Mari lerem isso aqui! rsrsrsrs

Tipo, Ninão, Elbow, Radiohead, Jeneci e Wilco já sabia que ias adorar! Música da casa, rs!

Saudade de tu, porra!!!

Por que você faz poema? disse...

Boa lista, realmente,
ainda assim, gostei bastante no último ano dos discos da PJ Harvey, Lucinda Williams, Yuck, Thurston Moore e Vaccines, além de Wado, Romulo Froes e Vanguart, e Decemberists fizeram bonito em 2011.
E a RS não precisa de outro cronista,
ja me aborreço demais com os que estão lá.